APIGENINA

APIGENINA

 

Apresentação: Frasco com 60 cápsulas

Composição- cada cápsula contém:

Apigenina.......................................50mg

Nome Científico: 4’,5,7-triidroxiflavona

Descrição:

A apigenina é um flavonóide do grupo das flavonas encontrado em alguns alimentos como a camomila, salsa e tomilho. Estudos realizados com este ativo demonstram sua capacidade antioxidante, assim como seu efeito na prevenção de diversas enfermidades cancerígenas e neurológicas. De maneira geral, a ação benéfica na saúde humana vem sendo relacionada com a sua atividade anti-inflamatória e com a atividade que impede, não só a aglomeração das plaquetas sanguíneas, mas também a ação de radicais livres no organismo uma vez que protegem as moléculas do DNA.

Propriedades:

A apigenina demonstrou inibir a produção de citocinas pró-inflamatórias IL-1β, IL-8 e TNF em monócitos humanos e macrófagos de camundongos estimulados por lipoglicano (LPS). O efeito inibitório na produção de citocinas pró-inflamatórias, combinada a sua ação antioxidante constitui uma sinérgica e terapêutica ação anti-inflamatória.

Atividade Anti-tumoral:

A todo o momento as células produzem espécies reativas de oxigênio (ERO’s) como subprodutos de seu metabolismo/ respiração celular. Esta atividade inerente à sobrevida da célula também é uma das principais fontes de citotoxicidade, nomeadamente os peróxidos, singletos, hidroxila e peroxinitrito. Estas moléculas possuem alta reatividade química, frequentemente se ligando em proteínas estruturais adjacentes a fim de se equilibrar eletronicamente. A esta reação química, são atribuídos diversos tipos de danos e com frequência, mutações deletérias ao DNA, que de modo sistemático e insidioso, podem levar ao desenvolvimento de cânceres. Apigenina demonstrou em avaliações ex vivo potencial antitumoral contra câncer de mama (CHOI, E. J. & KIM, G-H. 2009; FROEMMING, G. R. A. et al. 2018), câncer de fígado (SINGH, J. P. V. et al. 2004; LI, G. et al. 2017), câncer de pâncreas (JOHNSON, J. L. et al. 2013; WU, D-G. et al. 2014), câncer de pele (HASNAT, M. A. et al. 2015; CHAO, S.-C. et al. 2013) entre outros (MADUNÍC, J. et al. 2018). Aumentando a sobrevida destas células, sua recuperação, lentificando a progressão do câncer, e por vezes induzindo a apoptose destas células. Este potencial terapêutico significante e natural é investigado atualmente em modelos experimentais com camundongos, corroborando a indicação anteriormente observada, e atividade citotóxica específica contra células tumorais.

Neuroproteção

O termo neuroproteção refere-se à capacidade de determinado ativo, proteger o sistema nervoso contra danos das mais variadas fontes (doenças neurodegenerativas, substâncias neurotóxicas, estresse oxidativo, acidente vascular cerebral, etc), e que de forma aguda ou paulatina, compromete os componentes celulares/ estruturais dos neurônios e consequentemente suas funções. O principal tipo de dano envolvido no processo neurodegenerativo – e o qual foi avaliado possuir estreita afinidade com o mecanismo de neuroproteção, é o chamado estresse oxidativo. Este fenômeno acontece quando existe um desequilíbrio entre a geração de ERO’s e o sistema fisiológico de defesa antioxidante do organismo. Tais moléculas como descritas anteriormente, são capazes de se ligar aos constituintes celulares, entre seu material genético e proteico, levando a danos sérios e associados com a promoção da morte celular e desenvolvimento de doenças neurodegenativas. Em culturas celulares providencias – modelo experimental ex vivo. Apigenina demonstrou modular a transmissão gabaérgica e glutamatérgica, contribuindo com para a explicação de sua atividade sedativa e antidepressiva anteriormente vista (LOSI, G. et al. 2004). Em modelo simulado de neurodegeneração parkinsoniana, a suplementação oral com apigenina (5, 10, 20mg/kg) demonstrou proteger efetivamente os neurônios dopaminérgicos de ratos contra o estresse oxidativo e a neuroinflamação, em consonância com uma atividade neurotrófica melhorada. O estimulo locomotor e as atividades musculares foram melhoradas, bem como os níveis de BDNF - Brain-derived neurotrophic fator, responsável entre outras atividades, pela neuroplasticidade cerebral (PATIL, S. P. et al. 2014). Apigenina demonstrou reduzir o processo inflamatório associado à lesão cerebral induzida em ratos, pela inibição específica da via pró-inflamatória TLR-4 (ZHANG, T. et al. 2015) No entanto, estas atividades neuroprotetoras não se restringem a mera atividade antioxidante das flavonas, mas também pela intervenção direta sobre a via apoptótica da caspase (KANG, S. S. et al. 2004) e pela diminuição da deposição de placas β-amiloides (WANG, C-N. et al. 2001; ZHAO, L. et al. 2013).

Indicações:

Indivíduos em estresse oxidativo

Prevenção e tratamento de doenças neurodegenerativas;

Prevenção e tratamento complementar do câncer

Posologia:

Tomar 1 cápsula 2 vezes ao dia

 

APIGENINA

R$ 199,80Preço

    SEGURANÇA

    E

    PRIVACIDADE

    Razão Social: ROTA Farmácia Magistral LTDA ME  •  CNPJ: 28.914.752/0001-87

    Farmacêutico Resp.: Cláudio Lhamas de Siqueira  •  CPF: 737.083.727-00  •  CRF-RJ: 9051 

    AE: 136179-9  •  AFE: 046747-0

    Objeto Licenciado: Manipular, Dispensar - Proibida reprodução parcial ou total.

    Licença Sanitária PMR: F/MA-005/2016  •  Certidão de Regularidade (Licença CRF-RJ): 5034

    End.: Rua Alfredo Whately, 151, Campos Elíseos - Resende - RJ.

    Email: contato@rotamagistral.com  •  Tel: (24) 3354-5111

    O conteúdo deste site é destinado a profissionais da área de saúde e não deve ser usado como fonte de automedicação, além de não substituir em hipótese alguma a consulta médica e ou a profissional habilitado na área de saúde; Consulte sempre profissionais habilitados legalmente, somente eles podem prescrever ou diagnosticar problemas de saúde. Medicamentos sujeitos a prescrição, somente serão comercializados mediante o envio de imagem prévia, tal como fax, e-mail e ou scanner do receituário; medicamentes sujeitos a controle especial, não podem ser comercializados pela via remota, exclusivamente serão comercializados com a apresentação da receita pessoalmente em uma de nossas lojas.

    O texto de todos os nossos produtos, são referentes a des­cri­ção técnica dos mesmos, não configurando pro­pa­gan­da ou estímulo a automedicação.

      •  •  •  •  •  •  •  • 

    DESDE

    1984

      •  •  •  •  •  •  •  • 

    • Facebook ícone social
    • Instagram ícone social