HICA

HICA

Apresentação: Frasco com 60 cápsulas

Composição: Hica.................................500mg

Nome científico: DL ácido alfa hidroxi isocaproico cálcio, ácido lêucico, DL-2-hidroxi-4-metillvalerico ácido.

Sinônimo: dl-ácido alfa hidroxi isocapróico cálcio e ácido lêucico.

Classe: Suplemento alimentar

Dose usual: 500 mg até 3 vezes ao dia. Tomar o medicamento de estômago vazio, preferencialmente de manhã e/ou uma hora antes do treino.

Indicações:

- Anticatabolismo; - Diminui a dor pós treino; - Manutenção e aumento da massa muscular; - Melhor desempenho esportivo.

Descrição:

Assim como a valina e a isoleucina, a leucina é um aminoácido de cadeia ramificada (BCAA), tendo larga referência na literatura sobre seu papel no anabolismo muscular, principalmente através da ativação de uma proteína quinase chamada mTOR (Alvo da Rapamicina em Mamíferos), que por sua vez é um sinalizador para a síntese proteica. Mas o que poucas pessoas sabem é sobre a influência dos seus metabólitos na atividade esportiva. Dentre eles, está o HICA. O ácido DL-α-Hidroxy-Isocapróico, também conhecido como HICA e ácido lêucico, é um produto final do metabolismo da leucina em tecidos humanos, tais como o músculo esquelético e tecido conjuntivo. Hica é formado a partir da transaminação da leucina em α-cetoisocaproato (KIC) e posterior redução para formação do ácido lêucico (HICA).

Um dos maiores benefícios atribuídos ao HICA é em torno dos seus efeitos sobre a DOMS ou DMIT (dor muscular de início tardio), que é a sensação de desconforto muscular e dor durante as contrações que ocorrem de forma tardia após a prática de exercício extenuante, com redução da amplitude de movimento, especialmente em praticantes que iniciaram alguma atividade esportiva, ou após longa privação da sua prática. Estes sintomas começam a cursar com 24 a 48 horas após o trabalho com determinado grupamento muscular, e os mesmos desaparecem dentro de 5 a 7 dias.

A fisiopatologia que envolve o aparecimento de DOMS ainda é indeterminada, mas tudo leva a crer que seja a consequência do dano muscular oriundo após a prática de exercícios extenuantes, onde a contração e extensão do músculo danificam as células e com isso desenvolvem um processo inflamatório, que é potencializado com a ação das metaloproteínases (enzimas catabólicas, que degradam o músculo). Diferente de pró-hormonios ou anabolizantes, HICA ativa o anabolismo e o anti-catabolismo sem afetar diretamente os hormônios e estimula o crescimento muscular sem os efeitos contrários dos esteroides.

MECANISMOS DE AÇÃO

A hipertrofia acontece quando a síntese de proteínas é maior que a degradação (proteólise) e quando isso acontece resulta em um balanço proteico positivo.

O mecanismo de ação do HICA não está envolvido com a estimulação da síntese de proteínas (anabolismo), mas sim atuando como um agente protetor da degradação (catabolismo), assim o efeito anabólico conseguido com o seu uso, se dá através de sua contribuição para um balanço proteico positivo. O mecanismo anti-catabólico do HICA se sustenta em um experimento in vitro onde ele inibiu a ação de enzimas que degradam proteínas.

Avaliação de Eficácia

Foi realizado um estudo com 15 jogadores de futebol durante 4 semanas, com o objetivo de avaliar os efeitos da suplementação de HICA sobre a composição corporal, sintomas de DOMS e desempenho físico, durante um mês de treinamento. O grupo que foi suplementado com HICA obteve aumento significativo de massa muscular, evidenciando que além de ser eficaz contra o catabolismo, o HICA também promove anabolismo muscular. Foi observado diminuição das DOMS, o que está diretamente relacionada à recuperação e bem-estar do atleta, para que ele possa treinar ao máximo nos dias consecutivos. Não há evidências quanto ao aumento do rendimento com o uso de HICA, porém todos os resultados levam a crer que a suplementação com ácido DL-α-Hidroxy-Isocapróico melhora o estado do indivíduo por diminuir as DOMS, onde o atleta poderá treinar no seu máximo nos dias que se seguem, evitando comprometimento de amplitude, dores musculares, desconforto e consequentemente diminuição do rendimento.

O tratamento com Hica para atrofia induzida por imobilização

Os primeiros estudos para testar os efeitos da HICA suplementar foram praticados com lutadores competitivos. Cada lutador recebeu 1,5 gramas de HICA por dia durante seis semanas e praticaram um treinamento pesado em seu esporte. Ao final deste período, os combatentes ganharam cerca de 2 libras de estruturas musculares. Os resultados são mais impressionantes considerando que eles estavam treinando mais de 5 horas por dia, um período de tempo durante o qual se espera a perder músculo. Os combatentes também relataram significativamente menos dor.

Avaliação de Eficácia 2

Foi realizado outro estudo com esportistas financiado pela empresa que produz o HICA Max. Esportistas usaram HICA em concentração de 0,5 gramas três vezes ao dia ou placebo durante quatro semanas. Os esportistas fizeram musculação duas vezes por semana e jogaram futebol ou fizeram exercícios cardiovasculares todos os dias. Suas ingestões de nutrientes foram monitoradas. Após quatro semanas, foram medidas a composição do corpo e a força. No grupo que tomou HICA, os atletas ganharam em média 400 gramas de massa muscular magra na parte inferior do corpo, enquanto o grupo de placebo perdeu 150 gramas de massa muscular magra na mesma região do corpo. Quando medida no corpo todo, o ganho de massa muscular magra do grupo tomando HICA foi de 300 gramas, ou seja, os atletas perderam um pouco de massa muscular na parte superior do corpo. No grupo de placebo, a quantidade de massa muscular no corpo todo não sofreu qualquer alteração, o que quer dizer que os atletas ganharam 150 gramas de massa muscular na parte superior do corpo para compensar pelo que perderam nas pernas.

Quanto à força, não houve qualquer diferença entre o grupo que tomou HICA e o placebo, o que deveria ter ocorrido, considerando o ganho de massa muscular. Testes de velocidade também não mostraram qualquer diferença entre os dois grupos. A redução da dor muscular após quatro semanas ingerindo HICA foi considerada uma consequência da inibição de algumas enzimas que são parcialmente responsáveis pela dor muscular. Também foi notado uma maior atenção ao treino a partir da segunda semana do estudo.

CONTRAINDICAÇÕES

Crianças, gestantes, idosos e portadores de qualquer enfermidade devem consultar o médico ou nutricionista antes do uso

EFEITOS ADVERSOS

HICA promove o anabolismo e o anti-catabolismo naturalmente, sem afetar diretamente a parte hormônios. HICA promove o máximo de crescimento muscular sem os efeitos colaterais dos esteroides, por ser um metabólito da leucina.

HICA

R$ 254,90Preço

    SEGURANÇA

    E

    PRIVACIDADE

    Razão Social: ROTA Farmácia Magistral LTDA ME  •  CNPJ: 28.914.752/0001-87

    Farmacêutico Resp.: Cláudio Lhamas de Siqueira  •  CPF: 737.083.727-00  •  CRF-RJ: 9051 

    AE: 136179-9  •  AFE: 046747-0

    Objeto Licenciado: Manipular, Dispensar - Proibida reprodução parcial ou total.

    Licença Sanitária PMR: F/MA-005/2016  •  Certidão de Regularidade (Licença CRF-RJ): 5034

    End.: Rua Alfredo Whately, 151, Campos Elíseos - Resende - RJ.

    Email: contato@rotamagistral.com  •  Tel: (24) 3354-5111

    O conteúdo deste site é destinado a profissionais da área de saúde e não deve ser usado como fonte de automedicação, além de não substituir em hipótese alguma a consulta médica e ou a profissional habilitado na área de saúde; Consulte sempre profissionais habilitados legalmente, somente eles podem prescrever ou diagnosticar problemas de saúde. Medicamentos sujeitos a prescrição, somente serão comercializados mediante o envio de imagem prévia, tal como fax, e-mail e ou scanner do receituário; medicamentes sujeitos a controle especial, não podem ser comercializados pela via remota, exclusivamente serão comercializados com a apresentação da receita pessoalmente em uma de nossas lojas.

    O texto de todos os nossos produtos, são referentes a des­cri­ção técnica dos mesmos, não configurando pro­pa­gan­da ou estímulo a automedicação.

      •  •  •  •  •  •  •  • 

    DESDE

    1984

      •  •  •  •  •  •  •  • 

    • Facebook ícone social
    • Instagram ícone social